Mulher de 70 anos mostra resultado de adotar estilo de vida saudável

hartzA australiana Carolyn Hartz está impressionando os internautas do mundo todo. Isso porque ela tem 70 anos com o corpo e rosto completamente conservados. O segredo? Entre alguns hábitos adotados, chama atenção o de não comer açúcar há 28 anos. Mãe de três filhos, Carolyn contou em entrevista ao Daily Mail australiano que o início do processo de abstinência do ingrediente foi difícil. Mas ela precisou fazer a mudança no cardápio após o diagnóstico de pré-diabetes aos 41 anos. O processo ela explica em seu livro de receitas sem açúcar Sugar Free Baking. No lugar da guloseima, ela aposta no xilitol para preparar doces. Trata-se de um adoçante natural, com baixa caloria, mas sabor semelhante ao açúcar. Ele não estimula a liberação de insulina e por isso tem baixo índice glicêmico e pode ser aliado de quem está restringindo calorias.

Para manter o hábito de não comer açúcar, ela consome proteína em todas as refeições, especialmente no almoço, pois acredita que, assim, os desejos por doce diminuem. Carolyn gosta de praticar exercícios ao ar livre, como caminhar no parque todos os dias com seu cachorro, por 30 minutos, praticar ioga três vezes por semana e jogar tênis. A australiana também acredita que sua boa forma se deve a mais razões, como dormir pelo menos oito horas por noite, hábito que adota há muitos anos.

No quesito beleza, desde os 17 ela não dorme sem remover a maquiagem do rosto, além de apostar em hidratantes na região dos olhos e pescoço. “Também uso protetor solar todos os dias antes da maquiagem, e nunca passo horas embaixo do sol”, disse Carolyn, que já teve um câncer no nariz aos 30 anos.

Meditação e gratidão fazem parte de sua rotina logo pela manhã. “Eu sou muito mais calma e intuitiva depois de começar a meditar, aos 65 anos. Por isso, nunca é tarde demais”, falou.

(Vix)

Nota: Ela cortou o açúcar refinado, pratica exercícios ao ar livre, tem um animalzinho de estimação, não toma sol exageradamente e dorme a quantidade de horas ideal. Já li sobre esses hábitos saudáveis em alguns livros do século 19… Na verdade, há um povo para quem esses livros e essas orientações foram destinados e que poderia estar desfrutando dos benefícios que a Carolyn está colhendo ainda aos 70 anos (se bem que não podemos descartar o fator genética aí, nem precisamos consumir tanta proteína quanto ela). Basta que essas pessoas leiam esses livros, acreditem na mensagem inspirada deles e as coloquem em prática. A beleza e a longevidade são uma bênção adicional nesse processo que tem por objetivo principal desobstruir a mente e abrir um bom canal de comunicação com Deus. Infelizmente, Carolyn se abriu para a ioga e a meditação (que deve ser a transcendental), mas, mesmo assim, desfruta de paz e uma vida de harmonia. Tudo isso e muito mais pode ser experimentado da maneira correta e com muito mais profundidade por um adventista que leva a sério as orientações que Deus deu ao Seu povo. Imagine a utilidade de uma vida verdadeiramente saudável! Teríamos um exército de missionários saudáveis, longevos, com amor, conteúdo e experiência para distribuir a um mundo física, emocional e espiritualmente doente. [MB]

Leia também: Famosos e satanistas adotam estilo de vida saudável