Pesquisas com híbridos reforçam o que Ellen White escreveu no século 19

embriaoPesquisadores norte-americanos produziram um novo tipo de embrião híbrido de ovelhas com humanos. O objetivo desse estudo não é criar um animal quimérico meio ovino meio humano que saia andando por aí, mas, sim, doação de órgãos – ou seja, usar partes cultivadas do corpo humano dentro de animais para transplante. Os cientistas introduziram células-tronco humanas em embriões de ovelhas, resultando em uma criatura híbrida que é mais de 99% ovelha. Todos os embriões criados no experimento foram destruídos após 28 dias. “A contribuição das células humanas até agora é muito pequena. Não é nada como um porco com rosto humano ou cérebro humano”, disse o biólogo Hiro Nakauchi, da Universidade de Stanford, em uma apresentação da pesquisa realizada em Austin, no Texas. Os pesquisadores explicaram que, por contagem de células, apenas cerca de uma em cada 10.000 (ou menos) nos embriões de ovinos são humanas. O experimento se baseou em estudos anteriores da mesma equipe. Esses estudos envolveram colocar células humanas em embriões de porcos em laboratório, com sucesso.

[Continue lendo.]

Anúncios