A maior alegria de um pai pastor

maNão existe maior alegria para um pastor do que entregar uma pessoa a Jesus por meio do santo batismo, símbolo da morte para a velha vida de pecado e renascimento para a nova vida com Jesus. E não existe maior alegria para um pai pastor do que realizar o batismo da própria filha. Esse foi o presente que Deus me deu ontem, na igreja adventista central de Criciúma, em Santa Catarina, ocasião em que batizei minha filha Marcella e minha sobrinha Letícia. Foi um momento muito especial e emocionante, afinal, naquele mesmo tanque batismal fui batizado no fim de 1991; cerca de um ano depois, minha mãe e minha irmã mais nova, para quem eu dei estudos bíblicos (minhas primeiras alunas de Bíblia), também foram batizadas ali. Em 2008, minha avó igualmente foi batizada nessa igreja. E em 2015, minha irmã “do meio” entregou a vida a Jesus sendo batizada no mesmo tanque. No batismo dela e da minha avó eu tive o privilégio de estar presente, dentro da água. Mas ontem foi diferente… Foi a primeira vez que entrei naquele lugar especial na condição de pastor ordenado. Que bênção! Posso dizer que o tanque batismal da igreja adventista central de Criciúma é, para mim, um dos lugares mais significativos do Universo! Obrigado, Senhor, pelo privilégio! E que, por Tua graça, todos os meus queridos que passaram por aquele lugar especial se mantenham firmes na fé até o dia do encontro pessoal contigo. Amém!