Família: segredos para a unidade familiar

familiaNessa semana estudamos alguns “segredos” indispensáveis para manter a unidade familiar. Vamos refletir agora sobre a importância de cada um deles.

Perguntas para discussão e aplicação

1. Igualdade. Como você entende Gálatas 3:28? De que forma essa igualdade melhora a unidade familiar?

2. Amor. Leia 1 Tessalonicenses 3:12. Como podemos tornar nossas essas mesmas palavras? Por que isso é tão necessário (ver João 13:35)? O que falta para que isso se torne real na nossa vida e na da igreja?

3. Leia 1 Coríntios 13:4-8 substituindo a palavra “amor” (ou “caridade”) pelo seu próprio nome. Por que isso torna as frases tão “imprecisas” ou “incorretas”? O que deve mudar em sua vida para que essas mesmas frases continuem verdadeiras mesmo com o seu nome no lugar da palavra “amor”?

4. Ser “um”. Veja esse trecho da oração de Jesus em João 17:22. O que significa sermos “um” assim como Jesus e o Pai o são? Como é possível que isso seja real nos dias de hoje?

5. Abnegação. De que forma o egoísmo destroi a unidade tanto da família sanguínea quanto da igreja? Qual é o remédio para eliminar esse mal?

6. Submissão. Conforme Efésios 5:21, por que devemos ser “submissos” uns aos outros? O que significa isso na prática? Sendo assim, como o marido pode ser “submisso” à esposa e vice-versa? O que precisamos fazer para nos tornar assim?

7. Além dos “segredos para a unidade familiar” que discutimos nesta lição, que outro “segredo” você incluiria? Por quê?

Natal Gardino é doutor em Ministério pela Andrews University e pastor distrital em Jardim Iguaçu, Maringá, PR