Perguntas Interativas da Lição: o crisol do Pastor

Jesus é apresentado nas Escrituras como o Bom Pastor, que dá a vida pelas ovelhas. Em Sua sabedoria, Ele as conduz pelos melhores caminhos – o que muitas vezes inclui trechos não agradáveis – com o propósito de treiná-las e fortalecê-las. Elas não temem enquanto têm a certeza de que Ele está junto. Esse é o tema da Lição da Escola Sabatina dessa semana.

Por que geralmente nos desenvolvemos espiritualmente mais nos momentos difíceis do que nos fáceis?

Ler João 10:14-16. Por que essa ilustração que apresenta Jesus como pastor e nós como ovelhas é tão apropriada e confortadora?

Leia Salmo 23:3. Qual é o significado desse pensamento em que o Pastor Celestial guia Suas ovelhas “pelas veredas da justiça” (ou “por caminhos retos”)?

Em sua opinião, por que às vezes esses “caminhos retos” têm que passar pelo indesejável “vale da sombra da morte” (Sl 23:4)? O que Deus quer que aprendamos ao nos conduzir por esse caminho?

Apesar de não querermos passar pelo vale escuro (“ainda que”), por que não tememos ao saber que o Senhor está conosco?

Por que o Supremo Pastor aceita correr o risco de ser mal interpretado ao permitir que entremos em um vale escuro enquanto nos conduz?

Ao continuarmos confiando no Senhor ao longo do caminho, de que forma a bondade e a misericórdia certamente nos “seguirão” por todos os dias?

Como podemos usar essa ilustração (de Jesus como Pastor) para encorajar alguém cuja imagem de Deus foi obscurecida pelas dificuldades da vida?

(Pastor Natal Gardino, professor de Teologia no Instituto Adventista Paranaense)